Copy
Newsletter semanal de negócios sobre Portugal e a China
13/2016
Veja este e-mail no seu browser
 English news HERE | ä¸­æ–‡æ–°é—»è¿™é‡Œ
13º Plano Quinquenal da China (12º Congresso Nacional do Povo) - Relatório de análise in CCILC
Financiamento chinês a Angola apoia projetos de menor dimensão in Angop
Macau deverá regressar ao crescimento económico em 2017 in Macauhub
Vendas de carros elétricos da BYD podem triplicar na China in Exame
China com versão especial do Windows 10 in Notícias ao Minuto
Ginastas portuguesas conquistam ouro na China in RTP
Curso CCILC-CEGE "Língua Chinesa, Cultura e Dinâmica de Negócios para Empresários e Gestores na China" AQUI
Curso "Smart Mandarim e Integração Sociocultural" - Sala d´Aula AQUI
Curso de formação "China: Política e Cultura" CCILC-IFOR-ISCSP | 5 Abril - 31 Maio AQUI
Curso tecnológico para empreendedores: Le Wagon - Fábrica de Start-ups | 27 de Junho AQUI
Belt and Road Summit - Participe com a CCILC | 8-9 Abril AQUI
Exibição "Global by Design: Chinese Ceramics from the R. Albuquerque Collection" | 25 Abril - 7 Agosto AQUI
Clicksummit 2016 | 8 - 9 Abril AQUI
119º Feira de Cantão | 15 Abril - 5 Maio AQUI
China Beijing International Fair for Trade in Services | 28 Maio - 1 Junho AQUI
Conferência internacional "Exploring the China Dream" | 15-16 Agosto AQUI
AGRIbusiness 2016 | 10-13 Maio AQUI
China International Organic and Green Food Industry Expo 2016 | 14-16 Abril AQUI
LPS Beijing 2016 – Feira de Imobiliário de Luxo | 22-24 Abril AQUI
XIII Feira Internacional das PME na China | 10-13 Outubro AQUI
Hamburg Summit: China meets Europe | 20 Outubro AQUI
Emprego AQUI|Negócios AQUI

Portugal tem seis novos centros de vistos na China

Portugal passará a contar, a partir de Abril, com seis novos centros de vistos na China, o maior emissor mundial de turistas, acompanhando o crescente número de chineses que visitam o país, em lazer ou negócios.

Localizados nas cidades de Nanjing, Chengdu, Shenyang, Wuhan, Fuzhou e Guangzhou, os 'visa center' ficarão a cargo da VFS Global, grupo privado com operações em 123 países, segundo a embaixada portuguesa em Pequim.

Leia notícia na íntegra in Público

China anuncia redução de 68,8 mil milhões de euros na carga fiscal das empresas

O Primeiro-Ministro chinês Li Keqiang, que discursava durante o Fórum Boao (o "Davos asiático"), na ilha de Hainan, sul da China, reconheceu que o país enfrentará "pequenas flutuações" económicas a curto prazo, mas confiou que estas serão superadas mediantes políticas fiscais expansivas.

"Este ano, adotamos uma nova meta para o crescimento económico, entre 6,5% e 7%, para assegurar uma certa flexibilidade no nosso objetivo, porque estamos a promover reformas estruturais. Neste processo, pequenas flutuações a curto prazo são inevitáveis", disse.

Leia notícia na íntegra in RTP

Lucro industrial na China avança 4,8% no primeiro bimestre 

O lucro das maiores empresas do setor industrial da China teve crescimento de 4,8% nos dois primeiros meses de 2016, na comparação com igual período do ano anterior, informou em seu site a agência de notícias estatal Xinhua, citando dados oficiais divulgados neste domingo.

Os lucros das companhias da indústria chinesa com receita superior a 20 milhões de yuans (US$ 3,1 milhões) totalizaram 780,7 bilhões de yuans entre janeiro e fevereiro, segundo o Escritório Nacional de Estatísticas.

Leia notícia na íntegra in Exame

Anbang oferece 14 mil milhões pela Starwood

O grupo chinês Anbang avançou com uma oferta de 82,75 dólares por acção para comprar o grupo hoteleiro Starwood, noticia o "Expansión". O colosso chinês, que chegou a ser finalista na primeira tentativa de venda do Novo Banco, no ano passado, oferece assim um total de 14 mil milhões de dólares pela compra do Starwood.

Leia notícia na íntegra in Público

Fórum China/CPLP com realização na Guiné-Bissau

A Guiné-Bissau vai acolher em Abril próximo o encontro de empresários da China e da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP), confirmou na semana finda o embaixador da China na Guiné-Bissau.

“Constatamos com satisfação que dentro de dias terá lugar um encontro entre empresários chineses, incluindo os que virão de Macau, com outros dos países de língua portuguesa para encontrar formas de fomentar a nossa cooperação”, sublinhou o embaixador Huang Hua à saída de uma audiência com o primeiro-ministro guineense, Carlos Correia.

Leia notícia na íntegra in Macauhub

Governador do Banco Popular da China vêm a Portugal

A presidente da Reserva Federal dos EUA, Janet Yellen, e o governador do Banco Popular da China, Zhou Xiaochuan, são dois dos principais nomes que estarão em Portugal para a reunião do Banco Central Europeu (BCE), em junho.

O programa preliminar do Fórum do BCE, que se realiza anualmente em Sintra e tem este ano a sua terceira edição, prevê a participação de Yellen num debate com Mark Carney (governador do Banco de Inglaterra), Mario Draghi (presidente do BCE) e Alexandre Antonio Tombini (governador do Banco Central do Brasil).

Leia notícia na íntegra in Expresso

Centro de produtos lusófonos abre em Macau

A estrutura, situada na chamada Casa de Vidro, irá acolher mais de sete centenas de produtos. O centro é inaugurado na quinta-feira, um ano depois do Ministério do Comércio chinês ter lançado o Portal para a Cooperação na Área Económica, Comercial e de Recursos Humanos entre a China e os Países de Língua Portuguesa.

Leia notícia na íntegra in Ponto Final

Consultora portuguesa em projeto que aproxima europeus e chineses

Designado 'DragonStar Plus', aquele projeto é financiado no âmbito do maior programa público de apoio à investigação e à inovação do mundo, "Horizonte 2020", com um orçamento de quase 80 mil milhões de euros - 8% do orçamento comunitário.

A SPI vai organizar seminários e visitas de negócios, visando promover oportunidades para investigadores europeus na China e aproximar universidades, centros de investigação e empresas europeias de organizações chinesas, segundo revelou em comunicado enviado à Lusa.

Leia notícia na íntegra in Notícias ao Minuto

Macau recebe 5 milhões de visitantes em Janeiro/Fevereiro

Macau recebeu 5,09 milhões de visitantes em Janeiro e Fevereiro, uma quebra de 1,0% comparativamente com o período homólogo de 2015, informaram os Serviços de Estatística e Censos.

Aqueles serviços informaram ainda que o número de visitantes da China continental – 3,45 milhões ou 68% do total – baixou 3,1% em termos anuais, tendo em contraste o da Coreia do Sul (132,2 mil) e de Taiwan (172,4 mil) aumentado 5,8% e 14,1%, respectivamente.

Leia notícia na íntegra in Macauhub

CCILC
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Copyright © 2020 Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa, All rights reserved.