Copy
Newsletter semanal de negócios sobre Portugal e a China
03/2017
Veja este e-mail no seu browser
English news HERE | ä¸­æ–‡æ–°é—»è¿™é‡Œ
O investimento global chinês nos mares in Financial Times
Celebrações do Ano Novo Chinês decorrerão em Portugal entre o dia 19 e 22 de Janeiro in People
A business-school chinesa CKGSB cria uma visão global in China Daily
Qi Chen, o pioneiro do investimento chinês no futebol português in Notícias ao Minuto
Agostinho Oliveira é a ponte entre o futebol chinês e português in Sapo Desporto
Almoço-Conferência "Connecting Your Business With China | 31 Janeiro in CCILC
Lançamento ERICENA - European Research and Innovation Centre of Excellence in China | 19 Janeiro in CCILC
China Start - CKGSB | 6-10 Março in CCILC
Macau: Uma Ponte na Relação Económica China-PLP | 21 Fevereiro in CCILC
Understanding China Training - 3º edição | EU SME Centre | 16 Fevereiro in CCILC
Conferência Anual UE-China | EUCBA | 6 Fevereiro in CCILC
Workshop de Mandarim - Fundação Oriente | 4-25 Fevereiro AQUI
Emprego AQUI|Negócios AQUI

Davos: China quer ser a campeã da globalização 

Ninguém sairá vencedor de uma guerra comercial”, foi uma afirmação de Xi Jinping, o presidente da China, que recebeu uma enorme salva de palmas esta terça-feira durante a sua intervenção no World Economic Forum em Davos, na Suíça. “Defender o protecionismo é como fechar-se num quarto escuro.

O vento e a chuva certamente ficarão lá fora, mas também a luz e o ar”, acrescentou. Xi falou em chinês, mas o seu discurso estava a ser traduzido em simultâneo. “Goste-se ou não, a economia mundial é como um grande oceano do qual não se pode escapar”, referiu.

Mais informações em Expresso

China com plano para criar 30 universidades de excelência global

As autoridades chinesas anunciaram, através de plano ambicioso, a intenção de fundar 16 universidades de excelência mundial até 2030, situadas em várias províncias fora das regiões de Beijing e Shanghai, onde estão já localizadas universidades de prestígio.

De acordo com dados recolhidos pelo investigador Yu Lujiang, afiliado à Universidade Tongji, cerca de 21 regiões provinciais publicaram planos quinquenais ou decenais para o ensino superior, tendo 11 das quais apresentado também medidas de apoio financeiro, totalizando um investimento de aproximadamente 40 bilhões de RMB.

Mais informações em People

Chineses da EDP interessados em empresa brasileira, em negócio de 3 mil milhões

A China Three Gorges e a State Power Company, duas companhias controladas pelo Governo chinês, estão a ponderar avançar com ofertas para a aquisição da maioria do capital da empresa brasileira Santo António Energia.

A notícia é avançada pela Bloomberg, que dá conta que as duas companhias deverão avançar com ofertas formais no final de Janeiro, num negócio que pode ascender a 10 mil milhões de reais (2,95 mil milhões de euros).

Mais informações em Jornal de Negócios

Chineses entre os novos "patrões" do futebol europeu

Os avultados investimentos em futebolistas para o campeonato da China começam a ter também equivalente na Europa, onde empresas chinesas têm já participações em alguns grandes clubes, como o Atlético de Madrid ou os ‘gigantes’ de Milão.

Após o presidente chinês, Xi Jinping, conhecido por ser “um grande adepto de futebol”, ter ascendido ao poder, em 2013, a China decretou um “plano de reforma” da modalidade, visando converter o país numa potência futebolística.

Mais informações em Observador

Parceria sino-timorense constrói primeiro arranha-céus deTimor

Uma parceria sino-timorense vai construir em Dili, capital de Timor-Leste, o Timor Fortuna Central Plaza, um edifício com duas torres de 17 andares cada e um custo de 70 milhões de dólares, disse a directora do grupo timorense Li Tyen Development, Carmelita Pinto Lay.

O novo edifício, em que o parceiro chinês será a empresa chinesa Guangxi International Construction Engineering, incluirá zonas comerciais e de lazer, escritórios e apartamentos, numa área total de construção de mais de 60 mil metros quadrados.

Mais informações em Macauhub

Tecnológica chinesa apoia Angola na gestão administrativa civil

Uma empresa chinesa vai fornecer a solução tecnológica para gestão da identificação civil e criminal em Angola, bem como emissão dos registos de nascimento ou do bilhete de identidade, conforme decisão governamental a que a Lusa teve acesso.

Em causa está um despacho assinado pelo Presidente angolano, José Eduardo dos Santos, selecionando a empresa China National Electronics Import & Export Corporation para um contrato de “fornecimento de bens, instalações e suporte técnico”, no valor de 243 milhões de dólares (228 milhões de euros).

Mais informações em Observador

CCILC
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Copyright © 2020 Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa, All rights reserved.