Copy
Newsletter semanal de negócios sobre Portugal e a China
04/2017
Veja este e-mail no seu browser
English news HERE | ä¸­æ–‡æ–°é—»è¿™é‡Œ
China: Sem política do filho único, natalidade aumentou 7,9% em 2016 in Expresso
Guterres sublinha importância da China para o multilateralismo in RTP
Acionista chinês da REN compra elétrica brasileira in Dinheiro Vivo
Instituto Confúcio da UA distinguido pela Liga dos Chineses in Notícias de Aveiro
Empresa chinesa Alibaba torna-se patrocinador oficial dos Jogos Olímpicos
in DV
Theresa May quer aproximação comercial à China in Jornal Económico
Curso de Iniciação ao Mandarim | Parceria com CLC-PMM in CCILC
Curso de Mandarim + Viagem | Parceria com CLC-PMM in CCILC
Curso “Língua Chinesa, Cultura e Dinâmica de Negócios para Empresários e Gestores na China” | Parceria com CEGE-ChinaLogus in CCILC
Almoço-Conferência "Connecting Your Business With China | 31 Janeiro in CCILC
Ano Novo Chinês na Boutique dos Relógios | 25 Janeiro in CCILC
China Interwine Spring Edition - AJEPC | 25-27 Maio in CCILC
China Start - CKGSB | 6-10 Março in CCILC
Concerto Wang Li e Wu Wei | Gulbenkian | 28 Janeiro in CCILC
Understanding China Training - 3º edição | EU SME Centre | 16 Fevereiro in CCILC
Conferência Anual UE-China com Comissária da UE para o Comércio | EUCBA | 6 Fevereiro in CCILC
Macau: Uma Ponte na Relação Económica China-PLP | 21 Fevereiro in CCILC
Apresentação de obra "Contencioso Tributário" | PLMJ | 26 Janeiro in CCILC
Emprego AQUI|Negócios AQUI

Portugal arranca “roadshow” para conquistar investimento estrangeiro no turismo

O Governo português vai iniciar, já em Fevereiro, um conjunto de viagens para procurar captar investimento estrangeiro no sector do turismo. China, Índia, Estados Unidos da América, Brasil e Cuba serão os primeiros destinos.

Além do "roadshow" será também lançada uma plataforma com informação prática, no sentido de ajudar potenciais investidores a perceber que oportunidades e quais os mecanismos existentes em Portugal.

Mais informações em Jornal de Negócios

João Marques da Cruz: "A China é o país onde fazemos coisas no mundo"

Segue de vento em popa , a parceria entre a EDP e a China Three Gorges. A garantia é dada por João Marques de Cruz. O director executivo da EDP Ásia diz que a joint-venture constituída pelas duas empresas para o mercado peruano das energias limpas está prestes a empreender a construção de uma barragem no país.

A Hydro Global Peru, empresa constituída pela EDP e pela China Three Gorges (CTG) para explorar o mercado peruano das energias limpas, deve dar muito em breve o pontapé de saída no projecto de construção de um empreendimento hidroeléctrico no país, adiantou ao PONTO FINAL João Marques da Cruz, director executivo da EDP Ásia.

Mais informações em Ponto Final Macau

Imobiliário pede a Governo que recupere investidores chineses

O Governo tem de agilizar os processos de vistos gold sob risco do país ficar sem investimento, sobretudo chinês, alerta o presidente da Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária de Portugal (APEMIP), Luís Lima em entrevista à Lusa.

"Espero que no espaço de um mês, o Governo Português tome uma decisão sobre esta questão, porque precisamos deste investimento como de pão para a boca, até porque o investimento chinês atinge proporções mais elevadas", afirmou o dirigente da APEMIP.

Mais informações em Económico

China cria fundo de 14 mil milhões para fazer do país uma “potência online”

O governo de Pequim criou um fundo de investimento que ronda os 14.550 milhões de dólares, com o qual pretende afirmar a sua potência no mundo online.

As informações são avançadas pela Xinhua que acrescenta que um terço do montante foi concedido por alguns bancos nacionais e empresa do setor das telecomunicações.

Mais informações em Sapo Tek

Aeroporto de Macau em diálogo para ligação com Portugal

A Companhia do Aeroporto de Macau (CAM) está em diálogo com duas companhias aéreas para efetuarem a ligação entre Macau e Portugal, suspensa em 1998.

“Já começámos conversações com algumas transportadoras aéreas, mas há algumas limitações (…). Esperamos encontrar uma possibilidade”, disse Eric Fong, diretor do departamento de marketing da CAM, quando questionado sobre a possibilidade de retomar a ligação aérea a Portugal.

Mais informações em Observador

Portugueses convidados para celebrar Ano Novo chinês em Lisboa

Existem cerca de 20 mil chineses a viver em Portugal. Estima-se que metade esteja em Lisboa, cidade que se vestiu a rigor para festejar a chegada do novo ano chinês. O Ano Novo chinês começa a 28 de Janeiro mas um pouco por todo o mundo já se celebra.

Mais informações em RTP

Economia da China cresceu 6,7% em 2016

No quarto e último trimestre do ano passado, o Produto Interno Bruto (PIB) do gigante asiático acelerou ligeiramente, ao expandir-se 6,8% em termos anuais homólogos, mais uma décima do que o registado nos três trimestres precedentes (6,7%).

Apesar de ter crescido ao ritmo mais lento desde 1990 (3,9%), o desempenho da economia da China no cômputo de 2016 -- duas décimas abaixo do crescimento de 2015 (6,9%) -- encontra-se em linha com as previsões do Governo, já que Pequim situou a meta de crescimento anual entre 6,5% e 7%.

Mais informações em RTP

São Tomé e Príncipe e China definem áreas de cooperação

São Tomé e Príncipe e a China iniciaram quinta-feira em São Tomé o processo de definição das áreas de cooperação com prioridade para os sectores da agricultura, saúde, energia e infra-estruturas, anunciou o representante da missão chinesa no arquipélago, Zhou Zhaoming.

O director-geral do Departamento da Ásia Ocidental e África do Ministério do Comércio da República Popular da China,  Zhou Zhaoming, que chefia uma delegação pluri-ministerial chinesa ao arquipélago, fez este anúncio à saída de uma audiência que lhe foi concedida pelo primeiro-ministro de São Tomé e Príncipe.

Mais informações em Macauhub

China declarou “soberania indiscutível” no Mar do Sul da China

Depois das declarações do porta-voz da Casa Branca, Sean Spicer, na passada segunda-feira, em que garantiu que os Estados Unidos “vão proteger os seus interesses” no Mar do Sul da China, a resposta chinesa não tardou muito. Esta terça-feira, a porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros, Hua Chunying, garantiu a China “tem a soberania incontestável das ilhas do Mar do Sul da China e as suas águas adjacentes”.

Chunying referiu que a China estava “empenhada em negociações pacíficas com todos os países envolvidos” na disputa do território e referiu que o país “respeita os princípios de liberdade de navegação e sobrevoo em águas internacionais”. Não obstante, a porta-voz sublinha a ideia de que, para Pequim, os EUA “não são uma parte da problemática do Mar do Sul da China”.E deixa ainda o aviso para que Washington tenha cuidado e evite “prejudicar a paz e a estabilidade no Mar do Sul da China”.

Mais informações em Expresso

CCILC
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Copyright © 2020 Câmara de Comércio e Indústria Luso-Chinesa, All rights reserved.