Copy
Visualizar no navegador
ISSN 2318-1958

Número 04, 01 de Setembro/2013

Pergunte ao Palestrante


O programa da Conferência SciELO 15 Anos está orientado à análise e ao diálogo sobre o estado da arte em publicação científica e poderá ser enriquecido com o envio de perguntas e comentários aos palestrantes por meio de um formulário disponibilizado no website do evento. Participe: envie suas perguntas, dúvidas, inquietudes, opiniões. [Leia mais]

Destaques

Os artigos em acesso aberto chegaram para ficar: em menos de 10 anos aproximam de 50% do nível mundial


Publicação patrocinada pela Comissão Europeia, que destaca o papel do SciELO no Brasil e no hemisfério sul, estima que 50% dos artigos acadêmicos no mundo estão disponíveis em Acesso Aberto. Pesquisadores como Stevan Harnad calculam esta taxa em 32%. Diferenças metodológicas explicam a discrepância, porém os resultados alcançados em uma década mostram que não há retrocesso nesta tendência.

Entrevista com Indrajit Banerjee, Diretor da Divisão de Sociedade da Informação da UNESCO


Para atingir a meta de sociedades do conhecimento abertas e inclusivas, diferentes abordagens e estratégias foram adotadas pela UNESCO. Indrajit Banerjee destaca que a plataforma descentralizada e cooperativa do SciELO proporciona um contexto para o país se apropriar do processo de publicação em Acesso Aberto. 

Entrevista com Euan Adie, CEO da altmetric.com


Não há mais como ignorar a Altmetria. Baseada no monitoramento online de redes sociais para acompanhar o impacto de publicações acadêmicas, esse novo campo está experimentando uma rápida ascensão. Em entrevista exclusiva ao blog SciELO em Perspectiva, diferentes aspectos da Altmetria são abordados por Euan Adie – CEO da empresa altmetric.com e um dos palestrantes da Conferência SciELO 15 Anos.

Pinacoteca de São Paulo: um pouco de história da arte no Brasil e do Jardim da Luz


Aos participantes da Conferencia SciELO 15 anos, recomenda-se uma visita à Pinacoteca do Estado de São Paulo inaugurada em 1905. O edifício projetado por Ramos de Azevedo abriga 5 mil obras entre pinturas, esculturas, desenhos, gravuras, e fotografias. O acervo certamente agradará ao visitante, proporcionando uma significativa amostra da arte brasileira do século XIX.
Share
Tweet
+1
Forward to Friend
 

Licença Creative Commons

O conteúdo dessa newsletter é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 3.0 Não Adaptada.